sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Sentimentos Para Dar e Vender

Tenho sentimentos para dar e vender;
Mas quem gostaria de comprar ou ter?
Sentimentos a flor da pele, que incomodam;
Tantos Sentimentos, que poucos gostariam,
Na vida é mais fácil ser frio, gélido;
Para sobreviver ao baque que é sentido,

Coração como iceberg, sístole e diástole sem romantismo,
Bate e apanha, sobrecarga emocional com sua vida a esmo.
Sentimentos para alugar e doar,

Mas quem se arriscaria a sentir sem se magoar?
Angústia, amargura, alegria, muito amor e tédio,
É um Caldeirão de emoções sem remédio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget